Ir ao médico te deixa tenso, nervoso, ansioso? Pois saiba que esse sentimento é mais comum do que se imagina e tem nome: Síndrome do Jaleco Branco. Isso ocorre porque no momento da consulta médica, o paciente fica submetido a uma alta carga de estresse o que acaba alterando os níveis arteriais. Traumas ou experiências desagradáveis nas consultas costumam estar por trás dessa ligação.

O que ocorre muitas vezes no consultório médico é a aferição de pressão arterial ser maior ou igual a 140 x 90 mmHg (elevação que não é suficiente para colocá-lo na categoria de um paciente hipertenso) mesmo que o paciente informe que costuma apresentar valores menores em outros ambientes.

Por isso, o correto é aferir a pressão no meio para o final da consulta, quando aquele momento de "tensão" já passou e o paciente está um pouco mais relaxado. Além disso, o procedimento deve ser feito três vezes, num intervalo de 10 minutos. O ideal é que a pressão arterial seja 120 x 80 mmHG, o famoso 12 x 8.

Se mesmo assim, a pressão continuar elevada, é preciso investigar e fazer exames mais detalhados, como um MAPA (dispositivo de aferição da pressão que monitora os níveis num período de 24 horas) para que seja possível estabelecer um diagnóstico mais preciso e iniciar um tratamento específico para hipertensão.





Tags:



Deixe seu comentário

Para comentar ou responder, você precisa se cadastrar ou estar logado.


0 Comentários